CÚlulas Tronco ( stem cells)

Histórico:

          O Termo Células Tronco foi proposto primeiramente pelo Histologista Russo Alexander Makaimov em 1908 num congresso de Hematologia em Berlin na Alemanhã. Ele postulou a existência de Células tronco  no sistema Hematopoético ( Produção de sangue na medula ósseas). Desde então esse campo de pesquisa é um dos que mais se desenvolve no mundo. Por ser uma terapia que envolve células de animais, e especificamente, no homem, tem gerado várias controvérsias e mesmo proibições e depois deliberações. O fato é que a tentativa de regeneração de tecidos , vem sendo estudado e pesquisado há muitos anos, como DR. Robert O Becker , que é considerado um pioneiro nesse campo publicou em 1985, no livro The Bodyeletric. Este ortopedista fez pesquisas por 15 anos no hospital dos Veteranos em Syracuse, Nova York,  em vários animais, e mostra a recuperação usando células desse animais em doenças degenerativas tanto no sistema nervoso como no coração e pele. Desde então em vários centros do mundo, vem se pesquisando regeneração dos tecidos com o uso de células tronco. Aqui no Brasil  estamos muito adiantados em pesquisas mas , as legislações ainda estão se ajustando para permitir seu uso por médicos devidamente capacitados. Foi iniciado em   29 de setembro de 2012 em Saõ Paulo, no  VII Congresso Brasileiro de Célulças-tronco , foi elaborado um manifesto dos congressistas e da Ordem dos Advogados do Brasil ( OAB) e conselho de Fármácia,  endereçado ao Conselho Federal de Medica e Agência Reguladora  ( ANVISA), para que libere o uso racional das células tronco e normatize  suas aplicações. Pois isso vem entravando o uso em nosso meio, uma vez que já temos laboratório capacitado e credenciado no Rio DE Janeiro o EXCELLION  em Petrópolis - Rio,  pela (ANVISA) nosso orgão de vigilancia Sanitária. Pois não adianta credenciar laboratório, sem que os médico não possam utilizar em seus pacientes.  A a prática já é aceita universalmente e tem a aprovação dos mais importantes órgãos reguladores das pesquisas e saúde em todo mundo, como o Food and Drugs American (FDA). As pesquisas avançam e dos três tipos de células pesquisados: As   Embrionárias retiradas de embriões na fase de blastócisto ( poucos dias de vida) por morte desse, essa prática já vem sendo realizada em BeiJing, na  terapia em câncer, são células heterólogas ( de outro hospedeiro),  as células adultas retiradas do indivíduo ( autólogas), da medula, cordão umbelical ou gordura,  já nascido, chamadas células adultas mesequimais ( pois essas são de maior multicabilidade do que céluas dos próprios órgãos e mais recentemente as iPS ( Céluas tronco adultas que atraves de codificação genéticas se podem tranformar em células Pluripotrenciais Induzidas ( ainda no laboratório mas muito promissoras).  As células embrionárias são totipotenciais podem se multiplicarem em todo tipo de tecido vivo, mas gera polemica no Ocidente porque é preciso sacrificar o embrião para sua coleta e isso causa controvérsia moral com a religião e problemas éticos culturais. Entretanto é a terapia de ponta no Oriente, principalmente China e Tailândia de onde regressamos final de Outubro e 2011, e podemos conhecer o serviço do maior hospital e mais avançado nesse campo em Beijing. International Cancer Cells Therapy Biotechnologies Co. Ltd. >www.cancertherapychina.com<.  Na esteira da evolução de terapia com células tronco, no final de 2011 com bons trabalhos, foram  publicados em Israel por Inbar Friedrich Bem_num e seu grupo com os quais produziram em laboratório células tronco com uma alteração no comportamento celular que poderá salvar animais em perigo de extinção, e isso poderá nos ajudar a prolongar a vida das nossas células sadias por mais tempo. Com todos esses avanços nas pesquisas será que poderiamos sonhara com o homem imortal? O CErto e que recomendamos é que qunado um filho nascer faça o melhor seguro de vida dele, guarde as  suas celulas do cordão umbelical, guardem a polpa dentária dos dentes que vão caindo. Já  estamos pensando em criar o bandco de células mesequimais dos jovens como um futruro seguro também. O mais importante e que recomendamos ,   é que todos noivos ou casais que  forem  gerar um filho,  façam todos exames prévios para detectar uma intoxicação por metais pesados, ou outra doença degenerativa e assim, prevenir um futuraa doença em seus filhos. Pai e Mãe são responsáveis pela vida de quem vai nascer!!!

 

Classificação dos tipos de células em uso:

        Células Multipotenciais=s Podém se multiplicar e ajudar a reparar vários tipos de tecidos, mas estão codificada pelo hospedeiro e de pendendo da idade podem ter pouca telomerase a enzima que induz a multiplicação celular.  São células extraídas de tecido mesenquimal e selecionadas em laboratório,  multiplicadas e depois injetadas no doador. Escolhendo-se o local patológico.

         Células Pluripotenciais = São colhidas de tecidos medulares ( grande formação de células hematopoéticas) e de cordão umbelical  ou placenta de recém nascidos, têm um potencial maior de multiplicação devido tem mais telomerase.  

        Células iPS,   São celulas mesenquimais que sofrem alterações genéticas em laboratório e por isso se tornam pluripotenciais. 

        Células Embrionárias,  são Totipotenciais = têm capacidade de se multiplicarem em  todos tecidos do corpo.  São as mais importantes Porém somente são aplicadas na China e Tailândia ( endochina) , pois o ocidente,por questões de moral e ética   não permite sacrifícios de embriões para extração das células. São as mais importantes , porém tem muita telomerase e daí o  cuidado com o receptor,  para que não seja portador de câncer. Precisamos esgotar todas  as possibilidades de câncer, para isso , em nosso serviço usamos os marcadores tumorais específicos, que tenham maior especificidade e sensibilidade

       Os embriões derivados de fecundação em laboratório ,depois de tantos anos congelados,  não têm a mesma potencialidade de multiplicação ou implantação no organismos ( pegas). Embora estejamos estudando suas atividades e trabalhando para melhorar suas pegas  e ampliar suas aplicações.  

 

Células Totipotenciais

 

Doenças que podem se beneficiar da terapia com Células Tronco

 

          Esta figura demonstra as várias patologias que podem ser tratadas com terapia Celulares de células tronco. As aplicações mas comumente realizadas  são no reparo de doenças degenerativas da pele com rugas, sulcos e melhorar a elasticidade da pele, As paciente que receberam essa terapia estão muito mais jovens e mantêm toda a funcionalidade dos músculos da face, diferentemente do Butox que causa paralisia temporária dessa atividade, causando diminuição da expressão facial. As outras doenças são degeneração de cartilagens dos joelhos, coluna , mãos e para calvice, e para melhorar corpos cavernosos tanto em homens como mulheres ( melhorar o tecido penianos e vulvar, com isso corrigindo disfunções e melhorando a atividade sexual . Recomendamos que todos doentes com esse problemas devem primeiro avaliar a possibilidade de reparo com células tronco, antes de cirurgias. Em cardiologia já se esta fazendo recuperação do músculo cardíaco e de vasos sanguíneos. Em neurologia, está sendo empregada em Acidentes vasculares Cerebrais (derrames) e em doenças como Esclerose múltipla, uma patologia de difícil tratamento com os métodos tradicionais. Nosso grande objetivo é tratamento das polineuropatias diabéticas, principalmente nos pacientes com deficiência de potencia sexual, pois a diminuição da atividade nervosa causa déficit de ativação dos corpos cavernosos e impotência sexual. Também em mulheres se pode melhorar a turgescia da vulva, e com isso melhora a atividade sexual feminina. São inúmeros os campos de aplicabilidade e nós, que recentemente voltamos da China, onde fomos estudar o trabalho deles, estamos aptos a essas terapias depois que o FDA (food and drugs agency) nos Estados Unidos autorizou esse tratamento e que a ANVISA autorizou oi laboratório Excellion em 07/06/2011 publicado no Diário Oficial da União Nº 105 

           Cuidados adicionais que o médico deve ter em relação a essa terapia, fazer um correto diagnóstico da patologia, ser cirurgião habilitado ou dermatologista e que seja feito uma boa preparação antes da infusão das células, pois se não preparar bem o paciente poderá ter maus resultados. Importantíssimos exames marcadores ou outros para eliminar a possibilidade de câncer.  Fazer uma boa avaliação nutricional do individuo, aminoacidograma mineralograma, vitaminoagrama, bem como cuidados pós infusão.     Clinica DR. José Valdai de Souza S/C Ltda


 

 
©2009 All Rights Reserved Dr Valdai.
 
Web designer